terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Posted by Sandro Henrrique On 20:48
Uma revelação do caráter de Paulo. Descobrimos ser ele cortês,amável,humilde,santo e altruista.
Um exemplo da diplomacia e sabedoria  do apóstolo. É uma obra de mestre ; um modelo de cortesia, jeitosa e delicada intercessão. Paulo se mostra : Desejoso  de despertar a simpatia do coração de Filemom,mencionando varias vezes que ele é prisioneiro.Cordial  para com os predicados de Filemom,tornando assim dificiu a ele deixar de exercitá-los em perdoar  Onésimo. Tardio em mencionar o nome de Onésimo até ser assim preparado o caminho. Sem interessante de ordenar ou sua autoridade apostólica , mas rogando como amigo íntimo. Implorando encarecidamente , referindo-se a Onésimo  como seu filho, e Presumindo que Filemom fará o que pede. Ciente do mal praticado por Onésimo e promete qualquer prejuízo. Compreensivo sobre Onésimo , pois embora outrora inútil, as  severa que no futuro Onésimo será um servo fiel. Com sabedoria para escolher suas palavras com cuidado. Diz separado e não fugitivo. Evita empregar qualquer palavra que pudesse despertar ressentimento em Filemom e por isso emprega um termo que não descreve o caráter do ato do escravo , mas exprime simplesmente o seu aspecto exterior. Esperançoso de um breve ser Onésimo ser liberto e também  de tornar a ver  Filemom. Como poderia este encarar o apóstolo se não fizesse o que ele pedia ?. Uma ilustração do método divino de reforma Social. Essa Epístola tem sido referida pelos advogados da escravatura para justificá-la. Mas poderia a escravatura continuar se os versículos 16,17 fossem postos em pratica? É uma boa ilustração do poder reformar do evangelho , que procura ganhar seu fim mediante s persuasão e não pela compulsão; pela mansidão e não pela violência. Uma analogia da nossa redenção. O pecador é propriamente de Deus. Não somente  fugiu do seu Senhor , mas furtou algo dele. A Lei não lhe oferece direito de asilo, mas a graça concede-lhe direito de apelo. Nele é recebido , não como filho , e acha um intercessor  e pai; volta para Deus , e é  recebido , não como escravo , mas como próprio Cristo , sendo  lançado toda a dívida na conta de Cristo.

Paz no Senhor
I.T : Sandro Henrrique

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Posted by Sandro Henrrique On 09:55
O Escritor : Paulo um servo e por isso obediente persistente e abnegado; um apóstolo  e por isso tendo autoridade  , missão ,experiencia , coragem  e responsabilidade. O destinatário: Tito  um crente gentio um filho  na fé de Paulo. A saudação fala de : Graça que fornece alento espiritual  para suportar a provação ; ''Misericordia'' , que alivia  o peso da provação ; paz  , que conserva o espirito sereno apesar da provação.

O governo na igreja O local (5-16). Vemos que o titulo ''prebítero'' (ancião) e bispo (superintendente) se referem  á mesma pessoa , a Palavra presbítero apontando a pessoa e bispo, o serviço.
Esse serviço quando o presbítero tratava contradizentes , era o de exortar na sã doutrina e convencer ; tratando-se dos mentirosos ,tapar-lhes a boca ; no caso dos mau feitores , reprovalo severamente ; e no caso dos crédulos , preveni-los contra fábulas judaicas. Cada um das qualificações de ancião na igreja  deve ser ponderadas quando vemos  todas elas reunidas num irmão de idade e experiencia , não podemos duvidar que esse seja um verdadeiro ancião na igreja.

Procedimento Cristão. Notemos neste trecho a ultíma relação  entre credo e conduta entre verdade e vida. pode dar-se o caso de algum idoso (ou menus velho) ser são na fé, mas não na paciência. Notemos  o que as mulheres Idosas devem ser,e o que não devem ser. Das mulheres Idosas Lemos Sete coisas   ,ensinam que a esfera no ministério principal da mulher é o lar. Algumas podem ser chamadas para interesses gerais , mas a maioria pode melhor servir a Deus  como esposas e mães. No caso dos moços vemos uma diferença interessante pois  para eles , tito deve se apresentar-se  como modelo , ensinando  pelo seu exemplo , boas obras , doutrina incorruptível etc. Os servos têm o precioso privilégio de ser ''ornamento da doutrina'' em tudo. isso poderá animar qualquer crente a ser servo ao menus  em algumas  coisas -- talvez a Igreja. 
A graça de Deus. Em torno destes versículos acumulam-se uma infinidade de pensamentos : o que a graça de Deus ; como se manifestou ; o que traz , a quem traz ; a conduta que ela Ensina ; a esperança que ela inspira ; a quem foi o mensageiro dessa graça , e qual a sua obra. ''trazendo salvação a todos os homens''.
Esta afirmação parece ter propósito de contradizer a idéia gnóstica de que salvação era apenas para os iluminados''.

Admoestações finais. Este capítulo diz muito sobre boas obras, ao mesmo tempo que nos ensina que nossa salvação é pela misericórdia divina e não por nossas obras de justiça. aqui o apóstolo enprega a Palavra Salvação , como quase sempre no sentido de Salvação do pecado , referindo-se a ela  como purificação e ''renovação''. lavagem remove a imundícia ,o mal e a renovação introduz o que antes não havia : o bem. Cada um Pode , com  bastante proveito ,fazer uma lista de tudo que a graça de Deus te tirado da sua vida :  antigas inclinações más ambições baixas desejos carnais etc; e depois acrescentar as novidades que o evangelho de Cristo lhe tem trazido : novos interessantes , novas simpatias, novos serviços etc.
Nesta epístola a vida eterna é uma esperança e não uma atualidade , como geralmente no NT. A verdade toda é que essa abençoada vida pode ser gozada constante e diariamente (mediante a fé em Cristo) agora , mas será conhecida em toda a sua plenitude no porvir , por ser a vida Familiar  dos céus , a vida de Deus, a vida exemplificada em Cristo, a vida que foi contemplada pelos discípulos (1 Jo 1.1,2), a única vida que permanece. Devemos pôr sentido nas coisas que o crente evita ,segundo o ensino do versículo 9. As ''genealogias'' dos israelistas foram perdidas durante o Periodo cativeiro , e haviam  de ser recortadas  pela maioria inperfeitamente , e disso resultavam  interminaveis discussões sem proveito.